Vírgulas com nomes de pessoas

Mauricio-Macri

As frases abaixo estão corretas ou incorretas em relação à pontuação?

  • O presidente da Argentina, Mauricio Macri, nasceu em 1959.
  • O ex-presidente do Brasil Fernando Henrique Cardoso acaba de lançar um livro.
  • O ex-diretor de Abastecimento da Petrobras Paulo Roberto Costa deu uma entrevista à imprensa.

 Resposta: estão corretas.

Os nomes próprios de pessoas escritos numa frase podem ou não ser separados por vírgulas.

Repare na diferença da pontuação:

  1. O escritor brasileiro Machado de Assis nasceu em 1839.
  2. O criador de Capitu, Machado de Assis, nasceu em 1839.

Há muitos escritores brasileiros. Machado de Assis é um deles. Mas o criador de Capitu é um só: Machado de Assis.

Em (1), a expressão “o escritor brasileiro” é genérica, incompleta. Só se completa com a expressão “Machado de Assis”. Esta se chama, por isso, aposto especificativo.

Em (2), a expressão “o criador de Capitu” é completa, suficiente. Machado de Assis já está implícito nessa expressão – é uma simples “explicação” redundante, ou seja, um aposto explicativo.

Você pode tirar o aposto explicativo da frase e o sentido não se altera. Mas você não pode tirar o aposto especificativo. Tirando, você altera ou anula o sentido da frase.

O aposto explicativo, repetição do que está à esquerda, é escrito entre vírgulas.

Outro exemplo:

  1. Afirma o réu que seu funcionário Mário Tadeu dirigia o veículo na ocasião.
  2. Afirma o réu que seu funcionário, Mário Tadeu, dirigia o veículo na ocasião.

Em (1), o réu tinha vários funcionários. Em (2), o réu tinha um único funcionário, Mário Tadeu.

.
Coloca-se o nome de pessoa entre duas vírgulas (no meio da frase) ou uma só (no final) quando ele se refere a uma situação única especificada na frase. Por exemplo, um cargo que é único, tal qual o de presidente do país, governador de um estado etc.

O presidente da Argentina, Mauricio Macri, nasceu em 1959.

A governadora do Rio em 2003, Rosinha Garotinho, tomou medidas duras.

A mãe de Caetano e Bethânia, dona Canô, é quase tão famosa quanto os filhos.

O presidente Lula e sua mulher, dona Marisa, estiveram presentes à cerimônia.

O homem mais rico do planeta, Tom X, foi sequestrado em sua mansão.

.

Quando se referir a um entre vários da mesma categoria – como ex-governador, ex-esposa, diretor de empresa (normalmente há mais de um diretor), professor de escola, habitante, ator, candidato etc. – não faça o destaque do nome entre vírgulas:

O ex-presidente do Brasil Fernando Henrique Cardoso acaba de lançar um livro.

O ex-diretor de Abastecimento da Petrobras Paulo Roberto Costa deu uma entrevista à imprensa.

Um dos palestrantes foi o economista e tributarista Celso Pessoa.

O especialista em consumo Dori Boucault diz que a Black Friday já existe há 5 anos.

.
No caso de irmãos e filhos, depende. Filho único é separado por vírgulas. Havendo mais de um filho ou filha, as vírgulas não devem ser usadas:

Deixou toda sua herança para seu filho, Jorge Henrique. (É filho único.)

Parte de sua herança ficou com seu filho João Elias. (Entende-se que há outros filhos.)

Vera Fischer e sua filha, Rafaela, aparecem juntas na foto.

.

Quando se tratar de nomes estrangeiros ou quando ocorrer uma repetição de nomes (Paulo Paulo, por exemplo), inverta a ordem dos termos. Em vez de:

O líder da Frente Revolucionária Unida Foday Sankoh recebeu treinamento militar na Líbia.

O ex-governador de São Paulo Paulo Maluf se candidatou novamente.

Escreva:

Foday Sankoh, líder da Frente Revolucionária Unida, recebeu treinamento militar na Líbia.

Paulo Maluf, ex-governador de São Paulo, se candidatou novamente.

Fontes:

Manual da Boa Escrita. Virgula, Crase, Palavras Compostas, de Maria Tereza de Queiroz Piacentini.

Agora preciso da sua ajuda!

Por favor, deixe um comentário dizendo se esta postagem foi útil para você. Isso é o que me motiva a continuar. Você pode deixar também suas dúvidas de português, sugestões, críticas. Somente dessa forma posso aprimorar o conteúdo deste blog.

Forte abraço!

Betty Vibranovski


———–

Anúncios

2 comentários sobre “Vírgulas com nomes de pessoas

  1. Pingback: A vírgula do vocativo | Português sem Mistério - revisora textual Betty Vibranovski

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s