Aspectos estilísticos – 2-Repetição de palavras

Recomenda-se, sempre que possível, não repetir palavras num intervalo curto do texto. O uso de termos cognatos muito próximos sugere pobreza vocabular ou descuido do autor e torna a leitura monótona.

Escolha verbos específicos

Os verbos fazer, pôr, dizer, ter, ver e dar frequentemente são usados como “curinga”, em diversos contextos, tornando a frase vaga e imprecisa. Com paciência, podemos substituí-los por verbos específicos. Vejam: Fazer Fazer medicina → Cursar medicina. Fazer artigo para o jornal → Redigir ou escrever artigo para o jornal. Fazer discursos → Proferir discursos.…